Como sobreviver a uma Bad Run

por Redação

Não importa se você é o melhor apostador da face da terra. Não importa o quanto certeiras são suas entradas. Não importa se você é a pessoa mais cautelosa do mundo. De uma forma ou de outra, existe algo inevitável nas apostas esportivas. Algo que todos os apostadores irão partilhar várias vezes por ano em uma temporada. Estamos falando sobre a famosa bad run.

Este período negativo virá de tempos em tempos para lhe fazer uma visita nada oportuna. E não tem nada que você possa fazer para evitá-la de aparecer durante a temporada. Entretanto, existem formas corretas de lidar com esse visitante indesejado. E também, existem formas ruins de agir. Aqui vamos listar atitudes para lhe ajudar a sobreviver a uma bad run.

O que é uma bad run?

Uma bad run nada mais é que um período onde um apostador tem um volume de perdas. É como se nada desse certo para esse apostar durante esta fase. Em algumas vezes esse período negativo vai ser ameno. E o apostador irá ter pequenas perdas apenas. Entretanto, em algumas fases mais drásticas, esse mesmo apostador terá perdas significativas em relação a sua banca. E é exatamente quando isso ocorrer, que as coisas podem sair do controle.

Normalmente essa fase é passageira. Mas costuma levar muitos apostadores para a ruína. Pois o controle emocional será exigido, além de testar o lado psicológico do apostador. Geralmente, o apostador de primeira viagem não tem uma gestão de banca definida e acaba por sucumbir em momentos de dificuldade. Justamente por não ter um preparo para lidar com essa fase.

Os maiores erros que um apostador comete durante uma fase ruim

Quando as coisas não vão bem, é quando o apostador mais é testado. Seu psicológico é posto em cheque e seu emocional destroçado. Aguentar esse tipo de pressão é algo que vem com o tempo e com uma gestão de banca bem esclarecida. Pois ninguém nasce sabendo. Tudo se aprende e para aprender é preciso errar.

O que mais ocorre nessas situações, é o apostador tentar recuperar o dinheiro perdido. Busca elevar a quantidade de dinheiro apostado,  comprometendo sua banca com valor altos. Outro fator muito recorrente, é o apostador apostar em ligas que não domina suas informações. Além disso, durante esse período de perdas, os apostadores costumam aumentar o volume de apostas. Apostando em demasia e fazendo apostas sem nenhum valor longo prazo.

Um outro problema muito recorrente é o apostador querer recuperar o dinheiro perdido com apostas em odds muito baixas. Apostas que considera sem risco. Maior erro de todos. Assim compromete toda a estrutura do seu trabalho longo prazo. E como resultado, esse apostador terá apenas um destino possível; a falência.

Dicas para sobreviver a uma bad run:

As dicas mais simples para enfrentar uma bad run, se concentram em se manter dentro de uma gestão de banca. Não forçar entradas sem um estudo prévio bem feito. E não aumentar stakes visando recuperar algo perdido. Além de principalmente, manter a disciplina e o trabalho que havia sido planejado. Pois caso não exista nenhuma estratégia planejada anteriormente, consequentemente esse apostador está fadado ao fracasso desde o início. Sendo algo grave e que precisa ser revisto urgentemente.

Abaixo algumas dicas para quando estiver passando por uma bad run:

  • Se mantenha dentro da gestão de banca
  • Não descumpra suas próprias regras definidas
  • Mantenha a estratégia
  • Disciplina
  • Não aposte mais do que foi definido em sua gestão de banca
  • Não aposte em ligas que você não é especialista
  • Não aposte em odds menores do que a média de odds estabelecida

Posts Relacionados

Deixe um Comentário